Palpite Rosa Arquivos Gastronomia - Página 10 de 17 - Palpite Rosa
6
jan/2015
gastronomia category image
Ostradamus – Florianópolis/SC

Passei as minhas mini férias na minha terrinha, Floripa. Acabei visitando alguns lugares que adoro, principalmente restaurantes e durante a semana vou mostrando para vocês.

Hoje o restaurante que vou falar é o Ostradamus localizado no Ribeirão da Ilha em Florianópolis do chef e proprietário Jaime José Barcelos. O restaurante é especializado em frutos do mar, tendo como base a ostra já que eles possuem uma Fazenda Marinha para o cultivo do molusco.

ostradamus0158

O restaurante possui vários ambientes, fazendo com que o cliente se sinta o mais próximo do mar. Eu mesmo me sinto como se estivesse dentro de um navio, pois até os garçons e garçonetes usam uniformes de marinheiro e capitão. Além do salão principal, a casa dispõe de um trapiche também. E se você quiser, pode conhecer a adega de vinhos.

ostradamus0155

Logo na entrada do restaurante, você já pode ver um aquário de ostras vivas sendo depuradas. Para quem não sabe, a depuração consiste na filtragem e purificação do molusco, eliminando os riscos de contaminação por bactérias , vírus e outros microorganismos.

A decoração conta com objetos típicos da região do Ribeirão, peças artísticas e as mesas possuem tampos de vidro que emolduram peças e objetos.

O cardápio não é muito extenso, mas tem boas opções. Ele é dividido em 4 categorias: Iguarias da casa (Ostras depuradas e Entradas), Pratos principais (Pescados, Camarão e Cia e Prato da Boa Lembrança), Pratos Infantis e Bebidas. O cardápio de sobremesa é separado e caso você queira degustar um vinho, irá receber um atlas para escolher o que deseja.

ostradamus0154

Os pratos campeões da casa ficam por conta da “Sinfonia dos Náufragos”, um espeto de camarões gigantes assados na brasa e regados com molho de ervas, a Canoada, arroz com polvo e ostras defumadas, champignon, azeite de oliva, molho de ostras, mini milho e amêndoas e o Polvo da Andreia com pimentões, azeite de oliva, urucum e batatas aos murros criado em homenagem ao Restaurante Churrasco do Mar em Porto-Portugal.

Vamos as nossas escolhas? Só para vocês entenderem, estávamos em 3 pessoas: Euzinha, o Rafa e meu irmãozito Bruno. Fomos fazer um happy hour.

Para beber, os meninos optaram por cerveja e eu por uma caipirinha de abacaxi e água sem gás.

Ostra depurada in natura (1/2 dúzia)

Esta eu não comi. O Bruno só comeu uma e o Rafa devorou todas e disse que estava muito boa.

ostradamus0159

Ostra depurada gengibre (1/2 dúzia)
(Com gengibre, azeite de oliva, mel e conhaque)

Ostra de sabor bem exótico. Gostamos bastante, mas essa ostra tem que comer pouco para não se tornar enjoativa.

ostradamus0163

Ostra depurada Carbonel (1/2 dúzia) (Com um tipo de salame) e Ostra depurada Do Mecânico (1/2 dúzia)(Com queijo brie, manga e maçã)

Da ostra Carbonel, nós não gostamos. A combinação do salame com a ostra é bem interessante, mas a forma como foi servida não ficou bom. O salame foi cortado em rodelas grandes e deixou a ostra muito gordurosa. Acredito que se o salame fosse cortado em pedacinhos pequenos e adicionado em um molho ficaria perfeito.

Já a ostra Do Mecânico, foi uma das nossas preferidas. Olhando os ingredientes parece meio estranha, mas ficou muito muito boa.

ostradamus0160

Ostra depurada Seo Baldança (1/2 dúzia)
(Com queijo roquefort e pêra)

Essa foi outra ostra da qual mais gostamos. A combinação da ostra com o molho de roquefort e a pêra ficou perfeita.

ostradamus0162

Pastel de camarão ( 10 unidades)

O pastel é bem pequeninho e poderia vim com um pouco mais de camarão, mas o tempero é bem saboroso e ele é bem sequinho. Acompanha um molhinho de  mostarda.

ostradamus0167

Polvo alho e óleo

O tempero estava excelente, porém o polvo passou do ponto de cocção. Ele estava macio demais.

ostradamus0161

Saímos bem satisfeitos do restaurante e o total da conta com os 10% deu R$272,30.

Vale a pena conhecer o restaurante. A comida, o ambiente e o atendimento são excelentes, não é a toa que eles ganharam diversos prêmios. Ahh… Em alta temporada, prepare-se para colocar o seu nome na fila de espera e aguardar por uma mesa já que o local é muito frequentado por turistas.

Para quem quer visitar o local, ele fica na Rodovia Baldicero Filomeno, 7640 na Freguesia do Ribeirão da Ilha em Florianópolis/SC. O restaurante conta com serviço de manobrista.

Em frente ao restaurante tem o café Tens Tempo que é do mesmo proprietário do Ostradamus. Lá você pode degustar um café e saborear doces portugueses, além de poder comprar souvenirs, chocolates, vinhos, cachaças e louças.

ostradamus0166ostradamus0165ostradamus0164

 

 

 

 

 

Para maiores informações sobre o Ostradamus é só clicar aqui.

O que acharam do restaurante de hoje? Alguém já conhece?

Beijinhos

Bruna Daniela
18 pessoas amaram






23
dez/2014
gastronomia category image
Creme de abacate

Receita rápida, fácil e refrescante para o verão. Hoje é dia de aprender a fazer um creme de abacate que você pode comer no café da manhã ou no lanche da tarde. O abacate é rico em gorduras e possui bastante calorias, porém consumido com moderação traz muitos benefícios a nossa saúde.

Ele é rico em nutrientes, contém proteínas, ferro, hidrato de carbono e substâncias minerais. A sua polpa é rica em vitaminas A, B 1, B 2, E, açúcar, fitosterol, lecitina, tanino e ácido oléico, linoléico e palmítico.

Segue abaixo alguns dos seus benefícios:

Reduz a taxa de colesterol e pressão sanguínea;
Possui ação antioxidante;
Age contra prisão de ventre e perturbações digestivas;
Possui ação antiinflamatória;
Auxilia na desintoxicação do fígado;
Evita fadiga mental;
Ajuda na formação de ossos e dentes;
Fornece energia aumentando a disposição.

creme abacate0127

Vamos a receitinha?

Ingredientes:

creme abacate0117

 

 

 

 

 

 

 

1 abacate
1 limão tahiti
2 colheres de sopa de açúcar aproximadamente (quantidade à gosto)
30 ml de leite
4 a 5 pedrinhas de gelo

Modo de preparo:
No liquidificador, coloque a polpa do abacate, depois o suco do limão, o açúcar, o leite e as pedras de gelo. Bata até ficar um creme bem lisinho. Depois transfira para um recipiente e sirva com granola ou com cereal mix de aveia e castanha do Pará picadinha que foi como eu fiz.

creme abacate0118creme abacate0119creme abacate0120creme abacate0121creme abacate0122creme abacate0124

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rendimento: 2 porções

Bom apetite!

Gostaram?

Beijinhos

Bruna Daniela
19 pessoas amaram






16
dez/2014
gastronomia category image
Minha versão de Caesar Salad

Hoje vou ensinar vocês a fazerem a famosa Caesar Salad. Existem muitas versões sobre a sua origem, porém a mais conhecida é de que ela teria sido criada por um chef mexicano de origem italiana chamado César Cardini. Cardini, cujo sobrenome está relacionado com a culinária do famoso Hotel Peñafiel de Tehuacán, Puebla (México) teria viajado a Tijuana para participar de um concurso gastronômico e sua salada acabou sendo premiada. Foi então que ela tornou-se conhecida no mundo todo.

arvore0093

Eu adoro saladas e essa é muito boa. É o tipo de salada que é uma refeição. Basta ela e mais nada. Vamos conferir a receita?

Ingredientes para a salada:
1 pé grande de alface americana
200g bacon
100g de queijo parmesão
½ Ciabatta
Um fio de azeite de oliva
arvore0086

 

 

 

 

 

 

 

Ingredientes para o molho:
50g de aliche
100g de queijo parmesão
1 dente de alho
60ml de vinagre de vinho tinto
60ml de água
60ml de creme de leite fresco
arvore0075

 

 

 

 

 

 

 

Modo de preparo da salada:
Croûtons: Corte a ciabatta em cubinhos, disponha em uma forma, regue com um fio de azeite de oliva e leve ao forno até ficar levemente dourada. Reserve.

arvore0072arvore0085

 

 

 

 

 

 

 

Bacon: Corte o bacon em cubinhos, coloque em uma frigideira sem óleo e frite até que ele fique dourado e crocante. Coloque em um papel toalha para retirar o excesso de óleo e reserve.

arvore0074

 

 

 

 

 

 

 

Alface: Rasgue as folhas da alface já higienizadas com as mãos. Reserve.

Queijo parmesão: Corte o queijo parmesão em lascas. Reserve.

Modo de preparo do molho:
No liquidificar coloque o aliche, o vinagre de vinho tinto, o alho, o queijo parmesão e a água. Bata bem. Depois disponha o molho em um recipiente e misture o creme de leite fresco com o auxilio de um fouet. O molho irá ficar um pouco mais consistente. Coloque o mesmo em uma molheira e leve a geladeira para gelar.

arvore0076arvore0077arvore0078arvore0079arvore0080arvore0082

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

arvore0083arvore0084

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Montagem da salada:
Em uma saladeira ou em uma travessa, coloque as folhas de alface, depois o queijo parmesão, o bacon e por último os croûtons. Sirva com o molho.

arvore0087arvore0088arvore0089arvore0090

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

arvore0092

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como ela é uma salada super crocante, recomendo que ela seja montada somente na hora de servir para evitar que os ingredientes amoleçam. Você pode misturar o molho com as folhas também, porém eu prefiro servir separadamente para que cada pessoa se sirva com a quantidade que desejar.

Você pode variar essa salada usando frango e até camarões. Como também pode trocar alguns ingredientes como a alface americana pela romana e a ciabatta por outro tipo de pão.

O que acharam dessa receitinha? Gostaram?

Beijinhos

Bruna Daniela
19 pessoas amaram